2 de mar. de 2021

Comandante-geral concede Menção Honrosa a policiais que intervieram para salvar mulher em São Domingos

 

Na manhã desta terça-feira (2), foi de homenagem a quatro integrantes da Policia Militar de Sergipe, essenciais no salvamento de uma mulher que estava em situação de risco.


“Mais do que merecidas, as Menções Honrosas concedidas ao subtenente Freire, cabo Lopes, e soldados M. Santana, Enrique e Lobo, lotados no 3º e 7° BPM, representam o agradecimento de toda a sociedade sergipana a esses verdadeiros heróis”, afirmou o comandante-geral da Corporação, coronel Marcony Cabral.



O fato ocorreu na última sexta-feira, 26, entre os municípios de Lagarto e São Domingos e, devido à complexidade, exigiu dos policiais militares um alto nível de equilíbrio e inteligência emocional. Assim, de maneira coesa, foi possível intervir com coragem e sabedoria, para resgatar a mulher e evitar que a situação saísse do controle.

“Chegamos a essa ocorrência, na Ponte do Rio Vaza Barris, onde encontramos uma mulher emocionalmente abalada e em situação de risco. Graças a Deus, juntamente com os meus companheiros, pudemos ser instrumento de luz e, naquele momento complexo, falar de temas como família, amizade, respeito e demonstrar que a vida dela tem um grande valor”, explicou o soldado Lobo, responsável pela interlocução com a vítima.

9 de fev. de 2021

Sem calçamento e na Lama esse é um drama que várias famílias convivem nesta localidade

 

A rua Fortaleza localizado ao lado do Hospital Universitário de Lagarto (HUL) com acesso à Avenida Brasília e Rod. Rosendo Ribeiro de Souza (Rod.Lagarto/Itabaiana). 

Enquanto isso o asfalto está sendo colocados por cima das ruas já calçadas, seja no centro, bairros ou povoados da cidade, também percebemos que esse mesmo benefício está sendo oferecido aos moradores residentes no bairro horta onde o calçamento ainda não chegou, como é o caso das imediações do campo de treinamento do Lagarto Futebol Clube.

Os moradores da Rua Fortaleza já vêm solicitando e cobrando que seja no mínimo calçada a paralelepípedos para que os mesmos saiam da lama e poeira, afinal de contas essa rua fica localizada em frente ao Hospital Universitário de Lagarto, e por ser a única rua nas imediações que não tem calçamento, a rua tem uma extensão de cerca de 200 metros e dá acesso ao Rodovia Rosendo Ribeiro de Souza.

Cadê o calçamento da Rua Fortaleza?

13 de jan. de 2021

Morre vítima da Covid-19 Maguito Vilela, prefeito de Goiânia, ex-governador e ex-senador

 

Morreu na madrugada desta quarta-feira (13), no hospital Albert Einstein em São Paulo (SP), Maguito Vilela (MDB), por complicações pulmonares decorrentes da Covid-19. Ele ficou 80 dias na UTI do hospital. Prefeito de Goiânia, eleito em 2020, tomou posse na unidade hospitalar e não chegou a assumir o cargo, tendo pedido licença imediatamente. Vilela é o primeiro político de projeção nacional a morrer da doença. Antes de ter sido eleito prefeito, foi  vereador, deputado estadual e federal e vice-governador. Também foi governador de Goiás entre 1995 a 1998, quando disputou e ganhou a eleição para senador.

O emedebista ganhou a eleição no segundo turno, já na UTI, com 52% dos votos, contra 47% do adversário Vanderlan Cardoso (PSD).

De acordo com nota divulgada pela Secretaria de Comunicação da capital, "a família está providenciando o traslado do corpo de São Paulo para Goiás e ele deve ser sepultado em Jataí, sua terra natal".

Maguito perdeu duas irmãs para o coronavírus em agosto de 2020, com menos de dez dia de diferença. No dia 19, faleceu Nelma Vilela Veloso, de 76 anos. No dia 28, a irmã mais velha, Nelita Vilela, de 82 anos, também morreu.

O prefeito eleito foi diagnosticado com a Covid-19 no dia 20 de outubro de 2020 e, dois dias depois, foi internado em um hospital de Goiânia. No dia 27 de outubro, ele recebeu diagnóstico de até 75% de inflamação nos pulmões. Estava com saturação de oxigênio no sangue. No mesmo dia, foi transferido para São Paulo. 

Fonte: Brasil 247