27 de dez de 2013

Fábio Reis é o candidato do governo; Márcio terá dificuldades na reeleição

O governo de Sergipe tem procurado esvair a força de quem mandava em setores importantes da administração.
Primeiro, foi Lúcia Falcón, que entregou a Secretaria de Desenvolvimento Urbano para não passar pelo constrangimento da exoneração.
Depois, também para não ser colocado no olho da rua, Silvio Santos entregou a Casa Civil, alegando que precisa trabalhar por sua candidatura a deputado estadual.
Pedro Lopes, que participava do Núcleo criado pelo governador Marcelo Déda para ajudar a governá-lo, recebeu de presente o direito de voltar a comandar - de araque - o escritório de Sergipe em Brasília.
Candidato de Déda a presidente estadual do PT, além de perder a eleição interna, o deputado federal Márcio Macêdo terá dificuldades para reeleger-se. No atual governo, a preferência é por Fábio Reis (PMDB).

Fonte: Nenoticias

Nenhum comentário:

Postar um comentário