7 de ago de 2013

Hospital Regional de Lagarto já realizou mais de 600 cirurgias este ano

Localizado no município de Lagarto, na região Centro-Sul do Estado, o Hospital Regional Monsenhor João Batista de Carvalho Daltro (HRL) já realizou, de junho a julho deste ano, mais de 600 cirurgias, entre gerais e ortopédicas. Somente em ortopedia foram 521 procedimentos. É o que aponta o relatório de produção da unidade, gerenciada pela Fundação Hospitalar de Saúde (FHS). 
De acordo com o relatório, neste mesmo período, o HRL atendeu a mais de 53 mil usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), oriundos dos seis municípios que integram a Microrregião Centro-sul de Saúde (Lagarto, Poço Verde, Riachão do Dantas, Salgado, Simão dias e Tobias Barreto), além de pacientes encaminhados por outras regiões do Estado e de cidades da Bahia que fazem divisa com Sergipe, como Paripiranga, Adustina, Fátima e Nova Soure.
De acordo com o superintendente do HRL, enfermeiro Oldegar Alves Júnior, o número de cirurgias ortopédicas realizadas até agora pelo Hospital Regional de Lagarto é significativo e vem consolidando a importância que a unidade desempenha para a rede estadual de urgência e emergência. São cirurgias que vêm contribuindo para reduzir a fila de espera por este tipo de procedimento no Estado e desafogar o Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), em Aracaju, onde seriam provavelmente feitas, caso não houvesse essa importante retaguarda do HRL, ressaltou. 
É o caso do vigilante Jairo Dias dos Santos, de 30 anos.  Natural de Nossa Senhora da Glória, no Alto Sertão do estado, ele se submeteu na terça-feira (6) a uma cirurgia no HRL para a retirada de fixadores do membro inferior esquerdo, que fraturou em um acidente motociclístico quando retornava dia 28 de junho da Festa do Mastro, em Capela (SE). Eu estava aguardando há 35 dias (pelo procedimento cirúrgico) e agora me sinto mais seguro e aliviado. Antes estava preocupado, mas com a assistência que recebi aqui estou me sentindo muito bem, disse o vigilante, que nesta quarta-feira (7) já estava de alta médica e aguardava apenas a ambulância para retornar a seu município de origem. 
O HRL, desde agosto do ano passado realiza cirurgias ortopédicas de menor complexidade, como as de rádio e úmero (fraturas de braços), punho e clavícula. A partir ainda deste mês, a unidade passará a realizar também procedimentos de maior complexidade, como as de cólo de fêmur. Segundo Oldegar Júnior, isso representará um novo avanço na prestação dos serviços do SUS na região, já que pacientes que necessitem desse tipo de cirurgias também não mais irão esperar muito tempo por uma vaga no Huse ou outra unidade da rede estadual para a realização desse procedimento.
Outros números - De janeiro a julho,  HRL já realizou mais de 70 mil atendimentos de urgência e emergência, entre consultas especializadas em pediatria, ortopedia, clínica geral, administração de medicamentos, atendimentos de enfermagem em geral e tratamento clínico de traumas ortopédicos. Os relatórios de produção apontam ainda que já foram quase 71 mil exames complementares, dos quais 62 mil laboratoriais clínicos e pouco mais de 9 mil radiológicos. Outro dado positivo que revela avanços na resolutividade do HRL está na queda de 64% na taxa média mensal de transferência externa de pacientes, que caiu de 1,5% em 2012 para 0,97% nos sete primeiros meses deste ano.



Tito Lívio de Santana
Ascom/Hospital Regional de Lagarto
Cel: (79) 8867-8315  Tel: (79) 3632-1512
E-mail: tito.menezes@fhs.saude.se.gov.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário