1 de jun de 2012

Lula poderá disputar eleição para Presidente em 2014


Lula diz que só se candidata em 2014 se Dilma "não quiser" reeleição; "Não vou permitir que um tucano volte ao poder", diz
O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse em entrevista ao vivo no Programa do Ratinho, do SBT, na noite de ontem quinta-feira (31), que só se candidatará à Presidência em 2014 "se Dilma não quiser" se candidatar à reeleição. Carlos Massa, o Ratinho, insistiu na pergunta: "Mas e se ela não quiser?". Lula respondeu: "A única hipótese de eu ser candidato é se ela não quiser, eu tenho dito. Na possibilidade de ela não querer, não vou permitir que um tucano volte ao poder no Brasil." 

"Não só ela quer, como estará muito forte no final do seu mandato. Poucas vezes conheci uma mulher forte e de caráter como ela. Ela trabalha como uma alucinada Sou amigo da presidente. Quando eu a lancei como candidata, diziam que eu tinha lançado um poste. E eu serei cabo eleitoral para reelegê-la", disse Lula. Ratinho emendou: "Zé Serra, você tá ralado, então."
 "Acho que o Brasil precisa da experiência de uma mulher governando. O Brasil tem que ser governado por alguém que pense como uma mãe pensa", afirmou o ex-presidente.
Na entrevista, Lula falou sobre seu câncer, sobre o Corinthians, sobre a amizade que mantém com o apresentador e avisou que vai participar da campanha eleitoral deste ano. Na bancada com o apresentador, Lula brincou com times de futebol e disse que existem dois tipos de torcedores: os corintianos e os anticorintianos. A amizade com Ratinho também foi lembrada. "Já comi rabada na casa dele", disse o petista.
"Os efeitos colaterais do tratamento são terríveis. A garganta fica inflamada", comentou Lula ao falar sobre o tratamento do câncer de laringe. "Já faz sete meses que estou nesta luta".
Durante o programa, também foi exibido um vídeo mostrando a trajetória de Lula citando a pobreza que ele enfrentou em Pernambuco, a repressão e a vida política. O câncer de laringe, que foi diagnosticado em outubro de 2011, e o tratamento pelo qual passou, também foram lembrados. O ex-presidente foi comparado a uma fênix --pássaro da mitologia grega que renasce das cinzas-- ao falar sobre a remissão do tumor e sua consequente cura.
O ex-jogador de futebol Ronaldo gravou uma mensagem em homenagem a Lula dizendo que ele foi um exemplo, e que "todos que o amam estão felizes e contentes por ele estar de volta fazendo o que mais gosta: política".
Acompanhavam o programa, na primeira fileira, o pré-candidato à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad (PT), e o atual prefeito de São Bernardo (ABC paulista) e também candidato à reeleição, Luiz Marinho (PT). Haddad acabou sendo chamado ao palco e usou o programa como um palanque: depois de ser enaltecido por Lula, fez críticas à administração pública de São Paulo.
Eleições
Ao ser questionado por Ratinho por que Haddad foi o escolhido para ser o pré-candidato petista à prefeitura paulistana, Lula elogiou o ex-ministro da Educação. "Achava que era o momento de apresentar uma coisa nova para a cidade de São Paulo. Acho que São Paulo precisa de alguém com o entusiasmo que ele teve cuidando da educação. Ele já está na história como o ministro da Educação que mais fez escolas técnicas no Brasil", disse o ex-presidente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário