2 de nov. de 2011

Brasil deve receber injeção de R$ 118 bi com 13º


O tão esperado 13º salário, alívio de final de ano dos trabalhadores, também é uma "injeção de ânimo" na economia brasileira. A previsão do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) é que o mercado vai receber cerca de R$ 118 bilhões até dezembro deste ano com o pagamento deste benefício. Isso representa aproximadamente 2,9% do Produto Interno Bruto (PIB).
A Bahia deve receber cerca de R$ 4,9 bilhões, ou seja, 4,17% do valor total do país. Esse montante representa 3% do PIB estadual. A estimativa é que 4.363 mil baianos têm direito ao benefício. A média do custo do 13º na Bahia é de R$ 1.075,83, de acordo com a pesquisa realizada naquele estado.
Brasil -  O Dieese estima que cerca de 78 milhões de brasileiros vão receber o 13º salário, entre funcionários com carteira assinada e beneficiários da Previdência Social. Esse número representa um
crescimento de cerca de 5,4% em relação a 2010. Calcula-se que quatro milhões de pessoas vão receber o benefício este ano por ter adquirido aposentadoria, pensão ou foi contratado por uma empresa.
Do montante pago de 13º, 71% é devido aos empregos formalizados. Em 2010, a economia recebeu uma injeção de R$ 102 bilhões com o 13º.

Nenhum comentário:

Postar um comentário